Mudanças

Texto:  Carla Andrea Ziemkiewicz

Mudanças. Sempre abalam um pouco as estruturas.

Simplesmente porque provocam inquietude, rompem a comodidade, subvertem a ordem conhecida e segura. Ainda quando se sabe que as mudanças serão pra melhor. Uma angústia misturada com um bocado de ansiedade remexe nas nossas entranhas. E a incerteza sobre o que virá, como será e como iremos nos sentir diante do novo, do desconhecido, afeta a tranqüilidade do nosso sono; e até sonhando esse sentir nos acompanha.

Mas o que seria de fato nossas vidas sem as mudanças? De dentro e de fora.

Um deserto árido, sempre a mesma paisagem. Tédio, estagnação.

Possivelmente entraríamos num processo de putrefação, como o alimento que esquecido no armário embolora, cria mofo e apodrece.

A vida exige movimento, dinamismo, renovação.

Então, quando a mudança surgir, qualquer que seja ela, apesar de tudo isso, permita-se um outro olhar. Dê uma chance ao novo. Aprenda e cresça com ele.

Apenas se dê ao direito de despedir-se do que se vai, viva esse luto, pequeno ou grande. Só haverá espaço se você deixar que o antigo fique por lá, no passado.

Leve na sua bagagem, tudo que aprendeu, o saldo positivo, a polpa suculenta e nutritiva da fruta.

A vida sempre segue em frente. Depende de nós acompanha-la ou não.


Advertisements

Uma resposta a Mudanças

  1. Carolina diz:

    Eu simplesmente adoooorooo este texto!!!!
    Bjos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: