Arte e sabedoria

Imagem e texto de Lucian Freud ( pintor figurativista, neto de Sigmund Freud , morto mês passado aos 88 anos)

O mais belo sempre é a história inesgotável e inexpugnável que cada um tem em sua passagem, a grandeza da figura humana cuja estética segue outra orientação e não apenas aquela do modismo ou das cirurgias plásticas. Há que se mostrar o visceral de cada um, sua ironia, a sensualidade de períodos outros que não apenas da juventude, e principalmente, muito principalmente, mostrar aquela sabedoria que se adquire aos poucos, quando se entende o verdadeiro conceito do viver. Eis porque eu não aceito o rótulo de realista em minha pintura, e sim , de vivencial. A velhice traz a grande vantagem da sabedoria: só é  pena que chegue um pouco tarde demais.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: