Dúvidas Frequentes

 

A Psicoterapia e a Psiquiatria. Qual consultar primeiro?

Sempre que exista um problema psiquico que o deixe na dúvida sobre consultar um psicoterapeuta ou um psiquiatra, consulte um psicólogo clinico que fará uma avaliação do seu caso e  se for necessário o encaminhará para um psiquiatra para avaliação diagnóstica e tratamento medicamentoso, se necessário. Depois de medicado deverá prosseguir a psicoterapia.

Por que preciso de remédio? A psicoterapia não resolve?

Existem quadros psíquicos em que há necessidade medicamentosa, pois trata-se de alteração química/orgânica que a psicoterapia não poderá alcançar. Existe muito preconceito quanto ao uso de medicação, inclusive por parte de muitos colegas psicólogos. É importante que se pense que o indivíduo não é segmentado, mente e corpo em separado. Se voce está com febre alta persistente,  por exemplo, não hesita em consultar um médico para diagnóstico e tratamento de modo a obter a cura. Se ele faz o diagnóstico de uma infecção e prescreve antibiótico, dificilmente voce deixará de tomar. É claro que nas questões psíquicas, onde exames visíveis não poderão ser feitos, ocorre a dúvida quanto ao diagnóstico e tratamento. Como em qualquer área, procure um profissional da qual tenha boas referências e não desmereça sua capacidade de empatia, fator fundamental para o bom vínculo de confiança entre médico e paciente.Há a necessidade de psicoterapia concomitante à medicação, considerando-se que por si só este diagnóstico interfere nas relações familiares, sociais e profissionais, além do sofrimento emocional que causa ao indivíduo.

Contrato terapêutico

Trata-se de um contrato terapêutico verbal entre psicólogo e  cliente (pais se for menor, responsável noutras situações), para que haja um compromisso de frequência das sessões.
O sucesso da terapia requer continuidade. Não se cura ninguém apenas em duas ou três sessões. Se o paciente não comparecer não poderá melhorar. Neste contrato são esclarecidos os direitos e deveres do cliente, a forma como se processa a terapia e o preço das sessões. As sessões são sempre pagas mesmo que o cliente falte. As sessões em que o profissional eventualmente cancelar  não são pagas. Apesar do contrato terapeutico, a qualquer momento a pessoa poderá dar por finalizado o tratamento se assim o desejar. As sessões geralmente são pagas mensalmente, em data acordada entre ambos.

Eu não tenho nenhum convênio ou não sei se o meu cobre psicoterapia. Não poderei fazer, a menos que seja particular?

Se voce possui um convenio médico poderá informar-se sobre cobertura a tratamentos psicoterápicos. Em caso positivo, escolha um profissional conveniado ou verifique a possibilidade de reembolso, ou seja, mediante o recibo do profissional indicado de sua confiança, voce recebe parcial ou integralmente o valor pago ao profissional. Se não possui convenio, voce poderá marcar uma consulta inicial com o psicólogo na qual tentarão encontrar um valor que seja interessante aos dois, levando-se em conta que haverá um valor mínimo por parte do profissional, e um esforço, por parte do cliente, em investir em seu tratamento .

Os comentários estão fechados.

%d bloggers like this: